sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

PARABÉNS

video PARABÉNS A TODA FAMÍLIA RONDA!!!!

PARABÉNS


I ANO AMIGOS!!! PARABÉNS A FAMÍLIA RONDA POR TUDO QUE FOI FEITO ATÉ AGORA.....

ESPERANÇA

videoEssa mensagem do Airton Senna dá pra escrever livros sobre ela. Pra mim encerra a máxima que qualquer religião pode preconizar; seria uma parte da essencia de todas as religiões. Quando a humanidade realmente descobrir que "há algo", "existe um Poder", "existe uma Presença Universal" que RESPONDE aos seus pensamentos hábituais e sinceros, que formam o seu real caráter, ai sim, todos nós estaremos caminhando por moradas de prosperidade, saude e felicidade de uma forma geral.

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

10 MANDAMENTOS E PRINCÍPIOS

Os 10 (dez) mandamentos que orientam suas ações:
1. Descobrir os anseios e preocupações da comunidade;
2. Incentivar o cidadão a participar na identificação, priorização e solução dos problemas na sociedade;
3. Conhecer a realidade da comunidade onde está servindo o Policial Militar ou o Policial Civil e fazer com que o cidadão os conheça;
4. Trabalhar de modo a prevenir as ocorrências;
5. Agir de acordo com a lei e a ética policial, com responsabilidade e com confiança ao atender a comunidade;
6. Atuar como chefe de polícia local com responsabilidade;
7. Dedicar atenção especial na proteção das pessoas mais vulneráveis; jovens idosos, pobres, deficientes, etc.
8. Confiar no seu discernimento, sabedoria, experiência e, sobretudo na formação que recebeu, pois isso permitirá encontrar soluções alternativas e criativas que ampara os problemas da comunidade;
9. Manter-se atualizado, pois a comunidade e a polícia estão em constante evolução;
10. Integrar-se na comunidade e ajudar as pessoas a resolver os problemas pacificamente. A Polícia Comunitária é a alternativa que melhor se adequa ao Estado Democrático de Direito. Ela é uma alternativa ao modelo tradicional de polícia, cujo enfoque é combater ao criminoso depois que ele tenha vitimado alguém e gerado um dano moral ou material. É preciso antecipar-se ao crime, agindo sobre as suas causas, para que ninguém sofra dano algum. A segurança deve ser construída por todos.

Os 10 (dez) Princípios da Polícia Comunitária.
Para uma implantação do sistema de Policiamento Comunitário é necessário que todos na Instituição conheçam os seus princípios, praticando-os permanentemente e com total honestidade de propósitos. São eles: a) Filosofia e Estratégia Organizacional - A base desta filosofia é a comunidade. Para direcionar seus esforços, a Polícia, ao invés de buscar idéias pré-concebidas, deve buscar, junto às comunidades, os anseios e as preocupações das mesmas, a fim de traduzi-los em procedimentos de segurança; Comprometimento da Organização com a concessão de poder à Comunidade - Dentro da comunidade, os cidadãos.
b) Devem participar, como plenos parceiros da polícia, dos direitos e das responsabilidades envolvidas na identificação, priorização e solução dos problemas; c) Policiamento Descentralizado e Personalizado - É necessário um policial plenamente envolvido com a comunidade, conhecido pela mesma e conhecedor de suas realidades;
d) Resolução Preventiva de Problemas a curto e em longo prazo - A idéia é que o policial não seja acionado pelo rádio, mas que se antecipe à ocorrência. Com isso, os números de chamadas do CIOPS devem diminuir; e) Ética, Legalidade, Responsabilidade e Confiança - O Policiamento Comunitário pressupõe um novo contrato entre a polícia e os cidadãos aos quais ela atende, com base no rigor do respeito à ética policial, da legalidade dos procedimentos, da responsabilidade e da confiança mútua que devem existir; f) Extensão do Mandato Policial - Cada policial passa a atuar como um chefe de polícia local, com autonomia e liberdade para tomar iniciativa, dentro de parâmetros rígidos de responsabilidade. O propósito, para que o Policial Comunitário possua o poder, é perguntar-se:
* Isto está correto para a comunidade?
* Isto está correto para a segurança da minha região?
* Isto é ético e legal?
* Isto é algo que estou disposto a me responsabilizar?
* Isto é condizente com os valores da Corporação?

Se a resposta for “SIM” a todas essas perguntas, não peça permissão. Faça-o!
g) Ajuda às pessoas com Necessidades Específicas - Valorizar as vidas de pessoas mais vulneráveis: jovens, idosos, minorias, pobres, deficientes, sem teto, etc. Isso deve ser um compromisso inalienável do Policial Comunitário; h) Criatividade e apoio básico - Ter confiança nas pessoas que estão na linha de frente da atuação policial, confiar no seu discernimento, sabedoria, experiência e, sobretudo na formação que recebeu. Isso propiciará abordagens mais criativas para os problemas contemporâneos da comunidade; i) Mudança interna - O Policiamento Comunitário exige uma abordagem plenamente integrada, envolvendo toda a organização. É fundamental a reciclagem de seus cursos e respectivos currículos, bem como de todos os seus quadros de pessoal. É uma mudança que se projeta para 10 ou 15 anos; j) Construção do Futuro - Deve-se oferecer à comunidade um serviço policial descentralizado e personalizado, com endereço certo. A ordem não deve ser imposta de fora para dentro, mas as pessoas devem ser encorajadas a pensar na polícia como um recurso a ser utilizado para ajudá-las a resolver problemas atuais de sua comunidade.